Motivos pelos quais começamos a usar a framework Agile marketing – Parte 1/2

Tempo de leitura: 3 minutos

Num post anterior tinha explicado o que era e a razão de utilizar agile marketing como processo de trabalho em equipas de marketing.

Resumidamente, é um processo iterativo de trabalho, que permite experiências de marketing mais curtas, feedback frequente e a capacidade de reagir à mudança.

Pensamos em alguns motivos do porquê de utilizarmos Agile marketing como a nossa ferramenta de trabalho:

Produtividade – apesar de não haver estudos formais que comparem a produtividade das equipas de agile marketing contra as não-ágeis, a malta que o adota menciona um claro aumento de produtividade (ou de felicidade 😃 ). A produtividade, já agora, pode ser medida de várias formas: histórias completas dos utilizadores, pontos, resultados, satisfação do cliente. Porque nem todas as histórias de utilizadores (ou tarefas de marketing) requerem a mesma quantidade de esforço, muitas equipas atribuem pontos a cada história (e/ou estimativas), indicando a quantidade de esforço relativa envolvida em completar essa história. Algumas equipas medem a produtividade sobretudo em termos de resultados: visitantes de um website, visitantes que regressam, bounce rates, trials, vendas. Qualquer que seja a tua medida, o objetivo deve ser o de aumentar a velocidade (produtividade) da equipa de marketing ao longo do tempo.

Transparência – O Agile Marketing permite ao management, à equipa de sales e ao desenvolvimento verem claramente em que está a trabalhar o marketing. Reuniões de revisão rápidas (Stand Up//Dailies) também podem ser usadas para resumir as contribuições tangíveis do marketing e evangelizar esforços. Reuniões de planificação rápidas também permitem que a direção, as vendas e o desenvolvimento deem input ao marketing, de forma a obter tarefas e resultados. A Transparência também se refere à interação da equipa de marketing com os clientes. O agile marketing motiva e convida as equipas de marketing a relacionarem-se de perto com os clientes, com um grau de honestidade e simpatia pouco típicos do marketing tradicional.

Prioritização – as reuniões de planificação rápidas (Semanais ou quinzenais) requerem que o management ou o board estabeleçam prioridades nas suas exigências, e quase todos eles conseguem ver os recursos disponíveis e discutir como é que estes podem ser melhor utilizados.

Marketing Metrics / Analytics – um dos valores centrais do agile marketing é o foco em analytics e a responsabilização. Equipas de Agile marketing fazem maioritariamente pequenos testes, medindo os resultados e investindo mais ao longo do tempo no que funciona. Esta ênfase nos analytics melhora a capacidade do marketing de comunicar os seus contributos.

Podes subscrever a minha newsfeed aqui.